Aguarde...

Genealogia Pernambucana

Famílias Sertanejas

Genealogia de famílias do sertão nordestino

Genealogia Pernambucana

Famílias Sertanejas

Famílias Sertanejas

Genealogia de famílias do sertão nordestino

Relatório de Descendentes

Relatório de Descendentes

Maria de Barros do Nascimento
2 gerações (Netos)
Atenção!
Relatórios com mais de 3 gerações (bisnetos) podem demorar alguns minutos para concluir, dependendo da quantidade de descendentes.
Aguarde! Relatório em preparação...
  • Maria de Barros do Nascimento (Barrinha)1 [#4441] (filha de José Lopes Diniz e Josefa Gonçalves Torres), 1798, 24-01-1872, com aproximadamente 74 anos de idade. Casou-se com Gonçalo Gomes dos Santos (filho de Manoel Gomes dos Santos e Maria Águeda Diniz).

    Notas sobre Gonçalo Gomes dos Santos: Residia na Fazenda Campo Grande, Floresta, PE.

    1. Filhos:
    2. F.1 - Jacinto Gomes dos Santos
    3. F.2 - Catarina Torres de Barros
    4. F.3 - Ana Maria Diniz
    5. F.4 - Josefa Gonçalves Torres
    6. F.5 - Norberto Gomes dos Santos
    7. F.6 - Antônia Maria de Barros
    • F.1 - Jacinto Gomes dos Santos2 [#7444] {Maria1}. Com Francisca Maria de Jesus (filha de José Pires Ribeiro e Ana Maria Diniz), 1822, 27-01-1906, com aproximadamente 84 anos de idade.

      Notas sobre Jacinto Gomes dos Santos: Residia na fazenda Lagoa, São José de Belmonte, PE.

      1. Filhos:
      2. N.1.1 - José Pires dos Santos Barros
      3. N.1.2 - Maria Francisca de Barros
      4. N.1.3 - Ana Maria Diniz
      5. N.1.4 - Josefa Gonçalves Torres
      6. N.1.5 - Gertrudes Maria de Carvalho
      7. N.1.6 - Francisco Gomes dos Santos
      8. N.1.7 - Silvestre Gomes dos Santos Sidé
      9. N.1.8 - Gonçalo Gomes dos Santos
      • N.1.1 - José Pires dos Santos Barros3 [#8109] {Maria1 -> Jacinto2}, 07-08-1842, em Fazenda Lagoa, Belmonte, Pernambuco, Brasil, batizado em 12-10-1842, em Fazenda Campo Grande, Floresta, Pernambuco, Brasil, Padre.

        Notas sobre José Pires dos Santos Barros: Vindo de uma abastada família, foi o primeiro filho do casal: Jacinto Gomes dos Santos e Francisca Maria de Jesus. Foi batizado no dia 12 de outubro do mesmo ano em oratório privado na Fazenda Campo Grande, município de Floresta e teve como padrinhos Gonçalo Gomes dos Santos, seu avô paterno, e Ana Maria Diniz, sua avó materna.

        Desde pequeno José Pires mostrou sinais de vocação sacerdotal. Sabe-se que nutria amor especial aos pobres. Via neles o próprio Cristo. Sempre tirava da sortida dispensa da fazenda de seus pais alimentos e levava às escondidas aos doentes e necessitados. Realizando um grande sonho na sua vida, ingressou no Seminário de Olinda onde foi ordenado sacerdote no dia 07 de dezembro de 1873, por imposição das mãos de Dom Frei Vital Maria Gonçalves de Oliveira (bispo diocesano).

        Na sua primeira missa no Seminário de Olinda, o Padre José Pires fez uma bela homilia sobre o tema: o Santíssimo Sacramento, com satisfação geral dos presentes. O jovem sacerdote era estimado por todos, tanto por sua personalidade como por seu forte caráter. Não costumava fazer distinção entre as pessoas. Apenas demonstrava especial amor aos pobres. Chegou a alforriar o escravo Veríssimo que era seu pajem e acompanhante nas suas longas viagens ao Seminário de Olinda.

        Nutria grande devoção ao Sagrado Coração de Jesus e ao Imaculado Coração de Maria, o Padre José foi também um fortíssimo devoto do Patriarca São José. Uma das provas dessa devoção está no fato de o Padre José Pires dos Santos Barros se ter empenhado, profundamente, para que a festa do Patrocínio de São José nos primeiros anos da Capela de Belmonte fosse celebrada anualmente com toda a solenidade.

        Contavam os antigos que a família do Padre José estava esperando-o tempos depois da sua ordenação para a celebração de missas na fazenda Lagoa e na Capela de São José de Belmonte, porém, um dia estava dona Francisca sua mãe, acompanhada de suas filhas e escravas a bordar os paramentos e toalhas para as esperadas celebrações, estavam bem próximas de uma janela da varanda da casa, quando pousou em um galho de um frondoso pé de trapiá, que ficava bem ao lado do casarão, uma garça. No decorrer dos dias que se seguiram, a garça tornava a voltar pro mesmo galho da árvore, e isto começou então a causar reações de curiosidade, espanto, admiração, receio e medo entre as pessoas da fazenda chegando mesmo a inquietá-las. Não obstante, certo dia, os latidos dos cachorros denunciaram a chegada de Veríssimo à fazenda, correram todos. A interrogação tomou conta de cada um, o escravo apareceu puxando um cavalo com a sela e sem o padre José, apenas uma carta do bispo relatando que o mesmo havia sido acometido por uma fortíssima febre, vindo a falecer no exato dia da sua viagem para o povoado de Belmonte.

        Ao saber da notícia do falecimento do seu filho, o Sr. Jacinto Gomes dos Santos partira para o mato em local isolado e se recusou a receber qualquer visita que o incomodasse. Inconformados com o acontecido, todos foram então envolvidos de tamanha tristeza, até a irmã do Padre, Ana Maria (mãe Aninha) usou luto até morrer.

        Não demorou muito para que o povo começasse a contar histórias a respeito de ajudas recebidas depois de orações serem dirigidas à memória do padre José.

        São José do Belmonte homenageou a memória do Padre José Pires dos Santos Barros dando nome de uma rua no centro daquela cidade. Esta justa iniciativa partiu na época do Prefeito Afonso Alves de Carvalho em 1943 quando a história registrou naquele ano, 70 anos de ordenação do Padre José Pires dos Santos Barros.

        Valdir José Nogueira de Moura

        São José do Belmonte, fim do mês de novembro de 2019

      • N.1.2 - Maria Francisca de Barros3 [#8111] {Maria1 -> Jacinto2}. Com Antônio Alves da Luz (filho de José Alves da Luz e Mariana Alves de Assunção), Coronel da Guarda Nacional.

        Notas sobre Maria Francisca de Barros: Conhecida como Cotinha.

        1. Filhos:
        2. B.1.2.1 - Pedro Alves da Luz
        3. B.1.2.2 - João Alves da Luz
        4. B.1.2.3 - Maria Francisca da Luz Barros (Cotinha)
        5. B.1.2.4 - Ana da Luz Barros
        6. B.1.2.5 - Mariana da Luz Barros (Barrinha)
        7. B.1.2.6 - Antônia da Luz Barros
      • N.1.3 - Ana Maria Diniz3 [#8110] {Maria1 -> Jacinto2}, 1846.
      • N.1.4 - Josefa Gonçalves Torres3 [#8112] {Maria1 -> Jacinto2}, 1851. Casou-se, em 22-11-1881, com Antônio Pires Brandão (filho de Roque Pires Brandão e Rita Rosa de Jesus), 1855, 13-12-1899, com aproximadamente 44 anos de idade.

        Notas sobre Antônio Pires Brandão: Faleceu de reumatismo.

        1. Filhos:
        2. B.1.4.1 - Ana Pires Brandão
      • N.1.5 - Gertrudes Maria de Carvalho3 [#8113] {Maria1 -> Jacinto2}. Casou-se, em 14-11-1886, com Franco Lopes de Carvalho (filho de Manoel Lopes da Silva Barros e Maria Teodora de Carvalho), 04-03-1862, Capitão, 07-02-1938, com 75 anos, 11 meses e 3 dias de idade.

        Notas sobre Franco Lopes de Carvalho: Morava na Fazenda Santa Cruz, em Belmonte. Capitão da Guarda Nacional - 2ª Cia. do 119º Batalhão de Infantaria no município de Belmonte.

        1. Filhos:
        2. B.1.5.1 - José Pires de Carvalho
        3. B.1.5.2 - Manoel Gomes de Carvalho
        4. B.1.5.3 - Jacinto Gomes de Carvalho
        5. B.1.5.4 - Maria Teodora de Carvalho Neta
        6. B.1.5.5 - Francisca Gomes de Carvalho
        7. B.1.5.6 - Jacinta Maria de Carvalho
        8. B.1.5.7 - Clemente Gomes de Carvalho
      • N.1.6 - Francisco Gomes dos Santos3 [#8114] {Maria1 -> Jacinto2}. Com Antônia Maria de Carvalho (N.5.3) (filha de Norberto Gomes dos Santos e Inácia Maria de Carvalho), 1853, 06-10-1893, com aproximadamente 40 anos de idade.

        Notas sobre Francisco Gomes dos Santos: Da Fazenda Malhada Grande, Belmonte-PE.

        Notas sobre Antônia Maria de Carvalho: Veja família de N.5.3

        1. Filhos:
        2. B.1.6.1 - Francisca Maria de Jesus
        3. B.1.6.2 - Maria dos Santos de Carvalho
        4. B.1.6.3 - Jacinto Neto
        5. B.1.6.4 - Ana
      • N.1.7 - Silvestre Gomes dos Santos Sidé3 [#8115] {Maria1 -> Jacinto2}, 1856. Com Maria Alves de Carvalho (N.5.5) (filha de Norberto Gomes dos Santos e Inácia Maria de Carvalho).

        Notas sobre Silvestre Gomes dos Santos Sidé: (Sidé).

        1. Filhos:
        2. B.1.7.1 - Jacinto Gomes dos Santos Sidé
        3. B.1.7.2 - Norberto Gomes dos Santos Sidé
        4. B.1.7.3 - Josefa Gomes dos Santos Sidé
        5. B.1.7.4 - Francisca Gomes dos Santos Sidé
        6. B.1.7.5 - José Gomes dos Santos Sidé
        7. B.1.7.6 - Rosendo Gomes dos Santos Sidé
        8. B.1.7.7 - Libânio Gomes dos Santos Sidé
        9. B.1.7.8 - João Gomes dos Santos Sidé
      • N.1.8 - Gonçalo Gomes dos Santos3 [#8116] {Maria1 -> Jacinto2}, 1862. Casou-se, em 27-10-1891, com Antônia Teodora de Carvalho (filha de Manoel Lopes da Silva Barros e Maria Teodora de Carvalho), 1871, 27-07-1928, com aproximadamente 57 anos de idade.

        Notas sobre Antônia Teodora de Carvalho: (Toinha).

        1. Filhos:
        2. B.1.8.1 - Jacinto Gomes dos Santos
        3. B.1.8.2 - Ernesto Gomes de Carvalho Santos
        4. B.1.8.3 - Manoel Lopes de Carvalho Santos
        5. B.1.8.4 - João de Carvalho Santos
        6. B.1.8.5 - Lourival de Carvalho Santos
        7. B.1.8.6 - Artur de Carvalho Santos
        8. B.1.8.7 - Maria dos Santos Barros
        9. B.1.8.8 - Luiza dos Santos Barros
    • F.2 - Catarina Torres de Barros2 [#7445] {Maria1}. Com Antônio Alves de Carvalho (filho de Manoel de Carvalho Alves e Maria Gomes de Assunção).

      Notas sobre Antônio Alves de Carvalho: Residia em São José, Floresta, PE.

      1. Filhos:
      2. N.2.1 - Josefa Torres Barros
      3. N.2.2 - Maria Gomes de Barros (Dacó)
      4. N.2.3 - Adelina Maria de Carvalho
      5. N.2.4 - Januária Maria de Carvalho
      6. N.2.5 - Ana Maria de Carvalho
      • N.2.1 - Josefa Torres Barros3 [#7632] {Maria1 -> Catarina2}. Casou-se, em 18-11-1878, com Luiz Rodrigues de Barros (filho de Manoel Salvador da Cruz e Clara Linda da Silva), 13-07-1849, Coronel, 25-03-1918, com 68 anos, 8 meses e 12 dias de idade.

        Notas sobre Josefa Torres Barros: (Zefinha).

        Notas sobre Luiz Rodrigues de Barros: (Luizinho). Do Angico.

        1. Filhos:
        2. B.2.1.1 - Catarina Linda de Barros (Catita)
        3. B.2.1.2 - Eloy Torres Barros
        4. B.2.1.3 - Carmina Linda de Barros
        5. B.2.1.4 - Antônia Torres de Barros (Antoninha)
        6. B.2.1.5 - Clara Torres de Barros (Clarinha)
        7. B.2.1.6 - Manoel Undindórpio de Barros
        8. B.2.1.7 - Maria Gomes de Barros (Cotinha)
        9. B.2.1.8 - Delfina Torres de Barros
        10. B.2.1.9 - Eponina Torres de Barros
        11. B.2.1.10 - Carmozina de Carvalho Barros
      • N.2.2 - Maria Gomes de Barros (Dacó)3 [#8117] {Maria1 -> Catarina2}. Com Norberto Gomes dos Santos Barros (N.4.2) (filho de José Lopes Diniz Rodrigues (Cazuza do Curralinho) e Josefa Gonçalves Torres).

        Notas sobre Norberto Gomes dos Santos Barros: Veja família de N.4.2

        1. Filhos:
        2. B.2.2.1 - Antônio Alves de Carvalho Neto
        3. B.2.2.2 - Januária Maria de Carvalho
      • N.2.3 - Adelina Maria de Carvalho3 [#8118] {Maria1 -> Catarina2}. Com Enéas da Luz Cantarelli (filho de Gaetano Cantarelli e Josefa Alves da Luz).
        1. Filhos:
        2. B.2.3.1 - Aníbal Alves Cantarelli
        3. B.2.3.2 - Josefa de Carvalho Cantarelli
        4. B.2.3.3 - Armênia Alves Cantarelli
        5. B.2.3.4 - Antônio Alves de Carvalho Cantarelli
        6. B.2.3.5 - Afra Alves Cantarelli
        7. B.2.3.6 - José Alves Cantarelli
      • N.2.4 - Januária Maria de Carvalho3 [#7470] {Maria1 -> Catarina2}. Com (1) Manoel Bernardino de Lima (filho de Manuel Lopes Diniz e Ana Maria de Barros). Com (2) Cícero Lopes de Barros (filho de Manoel Lopes dos Santos Barros e Josefa Gonçalves Torres).

        Notas sobre Januária Maria de Carvalho: Não deixou filhos.

        Notas sobre Cícero Lopes de Barros: Residia em Tapuiu, Floresta - PE.

        1. Filhos com (1) Manoel Bernardino de Lima:
        2. B.2.4.1 - Elpídio José Lopes Diniz
      • N.2.5 - Ana Maria de Carvalho3 [#8119] {Maria1 -> Catarina2}. Com Joaquim Alventino Fonseca.
    • F.3 - Ana Maria Diniz2 [#7446] {Maria1}, 07-11-1911. Casou-se, em em Fazenda Campo Grande, Floresta, Pernambuco, Brasil, com Eustáquio Lopes de Barros (filho de Vitorino Lopes de Barros e Benedita Gonçalves Torres), 15-05-1912, em Fazenda Aroeiras.

      Notas sobre Eustáquio Lopes de Barros: Abastado fazendeiro e político em Floresta - PE. Dono de terras nas fazendas Panela D'Água, Campo Grande e Serra do Arapuá. Foi membro da Câmara de Vereadores de Floresta no período de 1881 a 1883 como vereador. Enfrentou, em 1896, a partilha judicial da Fazenda Panela D'Água que, anulada, lhe custou uma fortuna em prejuízos. Morava em Campo Grande. Separou-se de Ana Maria Diniz.

      1. Filhos:
      2. N.3.1 - Benedito Gomes dos Santos Barros
      3. N.3.2 - Josefa Benigna de Barros
      4. N.3.3 - Teodora Benigna de Barros
      5. N.3.4 - Vitorino Lopes de Barros
      6. N.3.5 - Jacinto Lopes de Barros
      7. N.3.6 - Melania
      8. N.3.7 - Maria Benigna de Barros
      • N.3.1 - Benedito Gomes dos Santos Barros3 [#8123] {Maria1 -> Ana2}. Casou-se com Maria Rita da Luz Barros (filha de David Barros da Luz e Sá e Mariana Gomes de Sá), 1884.

        Notas sobre Maria Rita da Luz Barros: (Henriqueta).

        1. Filhos:
        2. B.3.1.1 - Augusto Lopes de Barros
        3. B.3.1.2 - David Lopes da Luz
        4. B.3.1.3 - Mariana Maria de Barros
        5. B.3.1.4 - Jacinto Lopes da Luz Barros (Cintô)
        6. B.3.1.5 - Maria da Luz Barros (Barrinha)
        7. B.3.1.6 - Ana da Luz Cantarelli
        8. B.3.1.7 - Benedito Lopes de Barros (Capitãozinho)
        9. B.3.1.8 - Maria
        10. B.3.1.9 - José Lopes de Barros
      • N.3.2 - Josefa Benigna de Barros3 [#8121] {Maria1 -> Ana2}. Casou-se com José Lopes de Barros (filho de Vitorino Lopes de Barros e Benedita Gonçalves Torres).
        1. Filhos:
        2. B.3.2.1 - Augusto Lopes de Barros
      • N.3.3 - Teodora Benigna de Barros3 [#8122] {Maria1 -> Ana2}. Casou-se com Francisco Telles de Menezes (filho de Manoel Vitoriano de Menezes e Ana Alves da Luz).

        Notas sobre Teodora Benigna de Barros: Das Aroeiras.

        Notas sobre Francisco Telles de Menezes: Conhecido como Chico Telles "do Barreal".

        1. Filhos:
        2. B.3.3.1 - Manoel Alves da Luz
        3. B.3.3.2 - João Alves da Luz
      • N.3.4 - Vitorino Lopes de Barros3 [#13572] {Maria1 -> Ana2}, Antes de 1912.

        Notas sobre Vitorino Lopes de Barros: Foi casado e teve uma filha. A esposa era filha ou neta do Cel. Moraes.

        1. Filhos:
        2. B.3.4.1 - Maria de Moraes Barros
      • N.3.5 - Jacinto Lopes de Barros3 [#8124] {Maria1 -> Ana2}. Casou-se com Lídia Pires de Menezes (filha de José Pacheco de Menezes e Ana Clara da Conceição).
        1. Filhos:
        2. B.3.5.1 - Leonílio Lopes de Barros
        3. B.3.5.2 - Amiano Lopes de Barros
        4. B.3.5.3 - Manoel Alexandre
        5. B.3.5.4 - Marcionila
      • N.3.6 - Melania3 [#8120] {Maria1 -> Ana2}.

        Notas sobre Melania: Solteira.

      • N.3.7 - Maria Benigna de Barros3 [#116122] {Maria1 -> Ana2}, 1869, 17-01-1892, com aproximadamente 23 anos de idade.

        Notas sobre Maria Benigna de Barros: O declarante do óbito foi José Nunes Nogueira de Barros, da Cacimba dos Bois. (Luiz Ferraz Filho).

    • F.4 - Josefa Gonçalves Torres2 [#7447] {Maria1}. Com José Lopes Diniz Rodrigues (Cazuza do Curralinho) (filho de Manuel Lopes Diniz e Ana Maria de Barros).

      Notas sobre José Lopes Diniz Rodrigues: Morava na fazenda Curralinho, Serra Talhada, margem do Pajeú.

      1. Filhos:
      2. N.4.1 - Gonçalo Gomes dos Santos Barros
      3. N.4.2 - Norberto Gomes dos Santos Barros
      4. N.4.3 - Januária Linda de Barros
      5. N.4.4 - Clemente Gomes de Barros
      6. N.4.5 - João Lopes de Barros
      7. N.4.6 - Gertrudes Melquíades de Barros
      8. N.4.7 - Manoel Lopes de Barros
      • N.4.1 - Gonçalo Gomes dos Santos Barros3 [#7458] {Maria1 -> Josefa2}, Capitão. Casou-se com (1) Ana Minervina de Barros (filha de Dionísio Lopes de Barros e Maria Palatens Stuart Barros), 11-02-1866, 29-04-1914, com 48 anos, 2 meses e 18 dias de idade. Casou-se com (2) Antônia Torres de Barros (Antoninha) (filha de Luiz Rodrigues de Barros e Josefa Torres Barros), 07-04-1886, 10-03-1932, com 45 anos, 11 meses e 3 dias de idade.

        Notas sobre Ana Minervina de Barros: (Naninha). Faleceu de parto.

        1. Filhos com (1) Ana Minervina de Barros:
        2. B.4.1.1 - Milíbio Gomes dos Santos
        3. B.4.1.2 - Obdúlia Minervina de Barros
        4. B.4.1.3 - Armindo Diniz Barros
        5. B.4.1.4 - Orlando dos Santos Barros
        6. B.4.1.5 - José Gomes dos Santos Barros
        7. B.4.1.6 - Maria Minervina de Barros (Bahieza)
          Filhos com (2) Antônia Torres de Barros:
        1. B.4.1.7 - Consórcia de Carvalho Barros
        2. B.4.1.8 - Petrônio dos Santos Barros
        3. B.4.1.9 - Temira Torres de Barros
      • N.4.2 - Norberto Gomes dos Santos Barros3 [#7456] {Maria1 -> Josefa2}. Com Maria Gomes de Barros (Dacó) (N.2.2) (filha de Antônio Alves de Carvalho e Catarina Torres de Barros).

        Notas sobre Norberto Gomes dos Santos Barros: Do Angico.

        1. Filhos:
        2. Veja filhos de: N.2.2 (+2)
      • N.4.3 - Januária Linda de Barros3 [#7461] {Maria1 -> Josefa2}. Casou-se com Manoel Pereira de Sá Maranhão (filho de José Gomes de Sá Maranhão (Cazuza Maranhão) e Manoela Maria das Virgens), 1840, 27-01-1927, em Fazenda Boa Esperança , Serra Talhada, Pernambuco, Brasil, com aproximadamente 87 anos de idade.

        Notas sobre Manoel Pereira de Sá Maranhão: (Neco Maranhão). Proprietário da fazenda Esperança.

        1. Filhos:
        2. B.4.3.1 - Antônia de Sá Maranhão (Dona Totonha)
        3. B.4.3.2 - Benedito de Sá Maranhão
        4. B.4.3.3 - Maria Linda de Barros
        5. B.4.3.4 - José (Cazuza)
        6. B.4.3.5 - Ana
      • N.4.4 - Clemente Gomes de Barros3 [#7460] {Maria1 -> Josefa2}. Com Generosa Pereira.
        1. Filhos:
        2. B.4.4.1 - Izolina Barros
        3. B.4.4.2 - Mariano Rodrigues Barros
      • N.4.5 - João Lopes de Barros3 [#7457] {Maria1 -> Josefa2}. Com Ana Maria de Carvalho (filha de Antônio Alves de Carvalho e Silva (Capitão Totonho) e Maria de Barros da Assunção (Cota)).
        1. Filhos:
        2. B.4.5.1 - Antônio Lopes dos Santos Barros
        3. B.4.5.2 - Francisco Lopes dos Santos Barros
        4. B.4.5.3 - Manoel Lopes dos Santos Barros
      • N.4.6 - Gertrudes Melquíades de Barros3 [#7462] {Maria1 -> Josefa2}.

        Notas sobre Gertrudes Melquíades de Barros: Solteira.

      • N.4.7 - Manoel Lopes de Barros3 [#7459] {Maria1 -> Josefa2}.

        Notas sobre Manoel Lopes de Barros: (Neco). Solteiro.

    • F.5 - Norberto Gomes dos Santos2 [#7448] {Maria1}. Com Inácia Maria de Carvalho (filha de Francisco Alves de Carvalho e Antônia Maria Diniz (Antoninha)), 1830.

      Notas sobre Norberto Gomes dos Santos: Da Fazenda Favela, em Belmonte.

      1. Filhos:
      2. N.5.1 - Francisco Norberto Barros
      3. N.5.2 - Libânio Alves de Barros
      4. N.5.3 - Antônia Maria de Carvalho
      5. N.5.4 - Maria Madalena de Barros (Barrinha)
      6. N.5.5 - Maria Alves de Carvalho
      7. N.5.6 - Gertrudes Maria de Carvalho
      8. N.5.7 - Ana Maria de Carvalho
      9. N.5.8 - Antônio Norberto
      • N.5.1 - Francisco Norberto Barros3 [#7751] {Maria1 -> Norberto2}.
      • N.5.2 - Libânio Alves de Barros3 [#7752] {Maria1 -> Norberto2}. Com (1) Úrsula Maria de Carvalho (filha de Antônio Lopes de Barros e Clara Linda de Carvalho). Com (2) Esmeraldina Alves de Carvalho (filha de Manoel Lopes de Carvalho e Francisca Maria de Carvalho).

        Notas sobre Libânio Alves de Barros: Residia na fazenda Favela, São José do Belmonte - PE.

        1. Filhos com (1) Úrsula Maria de Carvalho:
        2. B.5.2.1 - João Alves de Carvalho
        3. B.5.2.2 - Norberto Alves de Carvalho
        4. B.5.2.3 - Antônio Lopes de Barros Neto
        5. B.5.2.4 - Francisco Alves dos Santos Barros
        6. B.5.2.5 - Clara Ursulina de Carvalho
        7. B.5.2.6 - Maria Ursulina de Carvalho
        8. B.5.2.7 - Ana Ursulina de Carvalho
        9. B.5.2.8 - Avelina Maria de Carvalho
          Filhos com (2) Esmeraldina Alves de Carvalho:
        1. B.5.2.9 - Manoel
        2. B.5.2.10 - Otacílio Libânio
        3. B.5.2.11 - Doralice
        4. B.5.2.12 - Olívia Maria de Carvalho
      • N.5.3 - Antônia Maria de Carvalho3 [#7753] {Maria1 -> Norberto2}, 1853, 06-10-1893, com aproximadamente 40 anos de idade. Com Francisco Gomes dos Santos (N.1.6) (filho de Jacinto Gomes dos Santos e Francisca Maria de Jesus).

        Notas sobre Antônia Maria de Carvalho: Da Favela.

        Notas sobre Francisco Gomes dos Santos: Veja família de N.1.6

        1. Filhos:
        2. Veja filhos de: N.1.6 (+4)
      • N.5.4 - Maria Madalena de Barros (Barrinha)3 [#7754] {Maria1 -> Norberto2}. Casou-se com Manoel Benevides de Souza Menezes (filho de Benevides de Souza Menezes (Bené) e Ana Jacinta de Menezes), 1872, 12-12-1955, com aproximadamente 83 anos de idade.

        Notas sobre Manoel Benevides de Souza Menezes: (Manoel Bené).

        1. Filhos:
        2. B.5.4.1 - Vécio Alves de Menezes
        3. B.5.4.2 - José Benevides de Carvalho
        4. B.5.4.3 - Maria Luiza de Menezes
        5. B.5.4.4 - João Benevides de Carvalho
      • N.5.5 - Maria Alves de Carvalho3 [#7755] {Maria1 -> Norberto2}. Com Silvestre Gomes dos Santos Sidé (N.1.7) (filho de Jacinto Gomes dos Santos e Francisca Maria de Jesus), 1856.

        Notas sobre Silvestre Gomes dos Santos Sidé: Veja família de N.1.7

        1. Filhos:
        2. Veja filhos de: N.1.7 (+8)
      • N.5.6 - Gertrudes Maria de Carvalho3 [#7756] {Maria1 -> Norberto2}. Com Urbano Alves de Carvalho Pires (filho de Manoel de Carvalho Alves e Ana Joaquina do Amor Divino).

        Notas sobre Urbano Alves de Carvalho Pires: Não deixou filhos.

      • N.5.7 - Ana Maria de Carvalho3 [#6814] {Maria1 -> Norberto2}. Com Antônio Valgueiro dos Santos Barros (filho de Joaquim Lopes Diniz e Gertrudes Maria das Virgens), 1844, Major, 10-04-1914, em Floresta, Pernambuco, Brasil, com aproximadamente 70 anos de idade.

        Notas sobre Ana Maria de Carvalho: Não deixou filhos.

        Notas sobre Antônio Valgueiro dos Santos Barros: (Major Valgueiro).

      • N.5.8 - Antônio Norberto3 [#13778] {Maria1 -> Norberto2}.
    • F.6 - Antônia Maria de Barros2 [#7449] {Maria1}, 1824, 20-04-1872, com aproximadamente 48 anos de idade. Casou-se com Luiz Rodrigues da Cruz Barros (filho de Manuel Lopes Diniz e Ana Maria de Barros), Capitão.
      1. Filhos:
      2. N.6.1 - Gonçalo Gomes dos Santos Barros
      3. N.6.2 - Ladislau Rodrigues dos Santos Barros
      4. N.6.3 - Emília Maria Diniz
      5. N.6.4 - João Rodrigues de Barros
      6. N.6.5 - Maria do Nascimento Barros
      7. N.6.6 - Francisca Maria Diniz (Chiquinha)
      • N.6.1 - Gonçalo Gomes dos Santos Barros3 [#7450] {Maria1 -> Antônia2}.
      • N.6.2 - Ladislau Rodrigues dos Santos Barros3 [#7451] {Maria1 -> Antônia2}. Com Luzia Benta da Conceição.

        Notas sobre Ladislau Rodrigues dos Santos Barros: (Lalau).

        Notas sobre Luzia Benta da Conceição: Luzia era uma mulher de caráter forte (característica própria dos povos nativos), havendo vários relatos a respeito de discussões com o seu marido a ponto de travarem embates corporais e de sempre haver resistência da parte dela. Os mais antigos da região contam que Luzia era prima dos Cacheados e de outros índios que habitavam a Serra do Arapuá. A cabocla Luzia Benta da Conceição viveu maritalmente com Ladislau Rodrigues dos Santos Barros, trineto de Manoel Lopes Diniz, antigo dono da fazenda Panela D'Água. Por ter um nome um tanto difícil de ser pronunciado, Ladislau era chamado pelo vulgo "Lalau". Viveram nas medições do Roçado e Lagoa das Pedras, terras herdadas dos pais de Ladislau, e conviveram até a morte deste, que foi sepultado no cemitério de Floresta-PE. É muito provável que Luzia tenha nascido no ano de 1866, pois seus descendentes contam que ela devia ter uns 80 anos quando morreu e isso ocorreu no ano de 1946. Luzia foi sepultada no cemitério da fazenda Tapuio, sendo o seu translado feito em uma rede (o que ainda era costume na época), tendo a frente do cortejo o seu bisneto, Antônio de Maria, que ainda era uma criança, e ia montado em um burrinho levando água e a cachaça dos homens que carregavam o corpo da defunta, dentre estes, o senhor Aderval, filho de Capitulina Barros (Parenta de Ladislau).

        1. Filhos:
        2. B.6.2.1 - João Rodrigues dos Santos
        3. B.6.2.2 - Antônia Maria de Barros
      • N.6.3 - Emília Maria Diniz3 [#7452] {Maria1 -> Antônia2}, 1853. Casou-se, em 29-07-1875, com José Vitorino de Barros (filho de Vitorino Pinto da Silva Sobrinho e Ana Maria Diniz), 1850, 04-01-1922, com aproximadamente 72 anos de idade.

        Notas sobre José Vitorino de Barros: (Zuza). Da Fazenda Queimadas, terras da Entre Serras. Foi nomeado pelo Ministério da Justiça, em 08-06-1897, Capitão da 4ª Cia. do 72º Batalhão da Guarda Nacional no município de Floresta.

        1. Filhos:
        2. B.6.3.1 - Temístocles Vitorino de Barros
        3. B.6.3.2 - Ana Emília de Barros
        4. B.6.3.3 - Avelino Vitorino de Barros
        5. B.6.3.4 - Alice Maria de Barros
        6. B.6.3.5 - Antônia Emília de Barros
        7. B.6.3.6 - Cecília Emília de Barros
        8. B.6.3.7 - Josefa Emília de Barros
      • N.6.4 - João Rodrigues de Barros3 [#7453] {Maria1 -> Antônia2}. Com Filomena Gomes de Sá (filha de José Gomes Correia e Antônia Maria de Jesus).

        Notas sobre Filomena Gomes de Sá: Dos Algodões.

        1. Filhos:
        2. B.6.4.1 - Luiz Rodrigues de Barros
        3. B.6.4.2 - Francisco Rodrigues de Barros
        4. B.6.4.3 - José Rodrigues de Barros
        5. B.6.4.4 - Júlia Maria de Barros
        6. B.6.4.5 - Amélia Rodrigues de Barros
      • N.6.5 - Maria do Nascimento Barros3 [#7454] {Maria1 -> Antônia2}. Com Florêncio Alves de Carvalho (filho de Manoel Lopes de Carvalho e Clara Maria dos Anjos).

        Notas sobre Maria do Nascimento Barros: (Mariquinha).

        Notas sobre Florêncio Alves de Carvalho: (Flôr).

        1. Filhos:
        2. B.6.5.1 - Clara Alves de Carvalho (Clarinha)
        3. B.6.5.2 - Elpídio Alves de Carvalho
      • N.6.6 - Francisca Maria Diniz (Chiquinha)3 [#7455] {Maria1 -> Antônia2}. Com José Satírio dos Santos.
        1. Filhos:
        2. B.6.6.1 - João Gomes dos Santos Barros
Nomenclatura:
∈ - Indica que a pessoa teve relacionamentos (casamento ou não), com ou sem filhos.
✟ - Indica que a pessoa já é falecida.
Gerações Pessoas Casamentos Pessoas c.c/outros Descendentes
Filhos660
Netos41353
Bisnetos122--
Totais 169 41 3

Atenção! Relatórios com muitas gerações podem gerar uma grande quantidade de dados e não executar corretamente. Se esta mensagem aparecer no final do relatório, então está completo.

Localidade
Nossos Patrocinadores
Outros Arquivos Genealógicos
Links
  • Brother's Keeper
    O melhor programa para registro de dados genealógicos, usado por mim desde o início deste trabalho.
  • Família Coelho Rodrigues
    Site dos descendentes de Valério Coelho Rodrigues, com sua história, descendentes e muitas outras informações.
  • Uma organização internacional sem fins lucrativos que oferece ferramentas gratuitas para ajudá-lo a descobrir sua genealogia. Muitas pessoas aqui neste site já possuem links para seus registros no Family Search.
  • Colégio Brasileiro de Genealogia
    Deseja pesquisar mais sobre sua família e não sabe como fazer? Aqui você vai encontrar dicas importantes.
  • Arquivo Nacional
  • My Heritage
  • Ancestry
  • Geneall
  • Geneanet
  • Geni

Nome Memorizado
Nenhum nome memorizado.
Dados do arquivo
Data: Quarta-Feira, 24-4-2024 17:18 GMT - DB1
Pessoas: 113.544
Famílias: 36.167
Contato
Site desenvolvido por
Magno José de Sá Araujo
genealogia.pernambucana@gmail.com