Início | Sobrenomes | Fotos | Livros | Outras Famílias
Fale Comigo   
Famílias
Sertanejas
Localização de pessoas 
   
  Memória: Nenhum nome memorizado. Quarta-Feira, 19-6-2019  

Ana Maria das Virgens

Gráfico dos Ancestrais | Gráfico 5 gerações | Ancestrais | Descendentes | Memorizar | Parentesco | Corrigir
Nome:  Ana Maria das Virgens (#4474)
Nascimento:  1807 em: 
Falecimento:  ANTES DE 1860 em: 
Idade:  Aproximadamente , em 0.
Pai:  Manoel Lopes de Barros
Mãe:  Úrsula Maria das Virgens

Filhos com
Nome:  Francisco Alves da Fonseca (#6906)
Nascimento:  em:  Curaçá, BA
Idade: 
Profissão:  Coronel
Mãe:  Claudiana Maria do Espírito Santo
Notas:  Foi o primeiro proprietário da fazenda Barra do Exu, no município de Vila Bela, hoje Serra Talhada, estado de Pernambuco. Em 1826 morava na Fazenda Grande, onde foi herdeiro de mãe.

1º Filho:  José Alves da Fonseca Barros (#7412)
Nascimento:  em: 
Idade: 
Notas:  Da fazenda Barra do Exu, Serra Talhada, PE. Antes de se casar com a sua legítima esposa, teve uma relação amorosa, não oficializada, com a cabocla Alexandrina Maria da Conceição, de descendência indígena e empregada da casa da família. Dessa relação nasceram 2 filhos naturais, que foram criados por ele com toda a regalia dos filhos legítimos. Anos depois, casou-se, legalmente, com Isabel Alves de Barros, e foram morar na fazenda Barra do Exu. (Fonte: Antonio Neto e José Alves Sobrinho - Pegadas de Um Sertanejo - Vida e memórias de José Saturnino, página 149).

2ª Filha:  Claudiana Maria das Virgens (#4492)
Nascimento:  em: 
Idade: 
Notas:  (Caló).

3º Filho:  João Alves de Barros (#13394)
Nascimento:  em: 
Idade: 
Notas:  Do Olho d'Água.

4ª Filha:  Maria Alves de Barros (#13393)
Nascimento:  em: 
Idade: 

5ª Filha:  Úrsula Alves de Barros (#13391)
Nascimento:  em: 
Falecimento:  1877 em: 
Idade: 
Notas:  (ou Úrsula Benigna das Virgens).

6º Filho:  Antônio Alves da Fonseca Barros (#6903)
Nascimento:  1835 em: 
Idade: 
Profissão:  Coronel
Notas:  (Coronel Antônio Alves da Barra do Exu). Fazendeiro rico e líder político da família Carvalho em Serra Talhada - PE. Disputava o poder com líderes da família Pereira, entre eles o Barão do Pajeú, de quem era inimigo mortal. Era sempre acusado como mentor e mandante de quase todos os atentados a membros da família Pereira, muitas delas criadas por oportunistas e pelo ódio que deixavam cegos vizinhos e parentes que se matavam por um sobrenome. Sofreu diversos ataques e emboscadas em sua fazenda, tendo entre os seus inimigos alguns de seus sobrinhos, filhos da irmã Úrsula, já falecida, e os filhos do segundo casamento do seu ex-cunhado, Manoel Pereira, liderados por Sebastião Pereira (Sinhô Pereira) e seu primo Luiz Padre que, retirando-se para o Estado de Goiás, entrega o seu bando ao cangaceiro Lampião, que continua aterrorizando e assassinando os seus inimigos, por recomendação do próprio "Sinhô Pereira". Casou-se já idoso. (Fonte: Nivaldo Carvalho).

7º Filho:  Joaquim Alves da Fonseca Barros (#13388)
Nascimento:  1836 em: 
Idade: 
Profissão:  Coronel
Notas:  Fazendeiro e político em Vila Bela, onde foi eleito vereador em 1882. Sem filhos.

8ª Filha:  Bárbara Benigna de Barros (#13389)
Nascimento:  1837 em: 
Idade: 
Notas:  Solteira.

9ª Filha:  Luzia Emília da Silva Barros (#63057)
Nascimento:  1838 em: 
Idade: 
Notas:  (ou Luzia Benigna).

10ª Filha:  Catarina Benigna das Virgens (#13392)
Nascimento:  em: 
Idade: 
Notas:  (ou Catarina Alves de Barros).

  • É possível saber as relações de parentesco entre duas pessoas quaisquer deste site. Para isso, é necessário memorizar o nome de uma das pessoas e seguir as instruções seguintes:
  • No momento, não há nenhum nome memorizado.
  • Para memorizar o nome de Ana Maria das Virgens, clique aqui.
  • Você pode também memorizar e verificar o parentesco clicando em Memorizar e Parentesco na barra de menus.

 
   
Início da Página Dados disponibilizados por Magno José de Sá Araújo © - e-mail: Magno José de Sá Araújo