Início | Sobrenomes | Fotos | Livros | Outras Famílias
Fale Comigo   
Famílias
Sertanejas
Localização de pessoas 
   
  Memória: Nenhum nome memorizado. Terça-Feira, 2-3-2021  

Relação dos Ancestrais de
Maria Edith Pinheiro Mendonça Vasconcelos

1 - Maria Edith Pinheiro Mendonça Vasconcelos (*16-05-1948) - (filha de 2 - César Pinheiro Teles e 3 - Almina Arraes de Alencar Pinheiro)

Pais

2 - César Pinheiro Teles (*06-03-1919, +22-10-1994) - (filho de 4 - Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes e 5 - Amélia Pinheiro Teles) Agricultor e Pecuarista. Era agricultor e pecuarista, estudioso de genealogia, dotado de excepcional memória, sabia os nomes dos ascendentes das famílias do Cariri cearense, bem como tinha gravado nomes, fatos e datas de quase todos acontecimentos na região, razão pela qual era consultado por inúmeros estudiosos e cronistas da área. Bastante conhecido no seu meio, ao falecer tinha mais de 800 afilhados.
3 - Almina Arraes de Alencar Pinheiro (*03-08-1924) - (filha de 6 - José Almino Alencar e Silva e 7 - Maria Benigna Arraes de Alencar)

Avós

4 - Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes (*1865, +1936) - (filho de 8 - José Pinheiro Bezerra de Menezes e 9 - Ana Teles Bezerra de Menezes)
5 - Amélia Pinheiro Teles - (filha de 10 - Francisco Teles de Quental e 11 - Gerônima Bezerra Monteiro) Foi a 3ª esposa de Joaquim Bezerra de Menezes.
6 - José Almino Alencar e Silva (*14-11-1887) Além de agricultor e pecuarista, era grande empreendedor. Montou o primeiro matadouro industrial do interior do Ceará, a primeira industria de beneficiamento de algodão e foi o primeiro a utilizar comercialmente a energia elétrica no sul do Ceará.
7 - Maria Benigna Arraes de Alencar (*17-09-1898, +27-10-1994) - (filha de 14 - Miguel Arraes Sobrinho e 15 - Maria Silvinha de Alencar Arraes)

Bisavós

8 - José Pinheiro Bezerra de Menezes - (filho de 16 - Joaquim Antônio Bezerra de Menezes e 17 - Quitéria Delfina Nobre) Capitão.
9 - Ana Teles Bezerra de Menezes
10 - Francisco Teles de Quental
11 - Gerônima Bezerra Monteiro - (filha de 22 - Pedro Bezerra Monteiro e 23 - Leopoldina Bezerra Dias Monteiro) Conhecida como Sinhá.
14 - Miguel Arraes Sobrinho (*1866, +1908) - (filho de 28 - José Inácio de Oliveira Maciel e 29 - Isabel Brasilina Arraes) Era comerciante e fazendeiro. Foi coronel, prefeito de Araripe-CE e chefe político da região.
15 - Maria Silvinha de Alencar Arraes (*02-12-1869, +02-12-1955) - (filha de 30 - Alexandre da Silva Pereira II e 31 - Alexandrina Benigna de Alencar) Viveu na cidade do Crato-CE.

Trisavós

16 - Joaquim Antônio Bezerra de Menezes (*11-10-1784, +13-09-1868) - (filho de 32 - Leandro Bezerra Monteiro e 33 - Rosa Josepha do Sacramento) Capitão Mor.
17 - Quitéria Delfina Nobre (*14-08-1796) - (filha de 34 - José Ferreira de Sousa e 35 - Maria Nobre da Conceição)
22 - Pedro Bezerra Monteiro - (filho de 44 - José Geraldo Bezerra de Menezes e 45 - Jerônima Bezerra de Menezes) Major. Conforme edição de 10/05/1888 do jornal conservador "Pedro II", Pedro Bezerra Monteiro era major da Guarda Nacional.
Ainda, conforme informações constantes na edição de 04/12/1868 do Jornal Cearense, de Fortaleza-CE, PEDRO BEZERRA MONTEIRO exerceu o cargo de "suplente de delegado" na cidade do Crato-CE.
Texto publicado na edição de 09/01/1891 do jornal O Estado do Ceará (com grafia original):
"No Joazeiro, termo do Crato, falleceu em consequencia de uma hemorrhagia cerebral o nosso presado e distincto amigo major Pedro Bezerra Monteiro. Descendente de uma das mais importantes famílias deste Estado, o major Pedro Bezerra distinguiu-se durante toda a sua vida pela amabilidade de seu caracter e magnanimidade de coração; sendo, portanto, muito sentida a aquelles que tiverão a felicidade de conhecelo. Dedicou-se por longos anos à lavoura, e, se morreu pobre, ninguem jámais foi mais probo. Sentimentos à sua illustre e numerosa familia, com especialidade ao seu digno irmão, o nosso distinctíssimo amigo Sr. Dr. Leandro Bezerra Monteiro [site #26690], e de envolta com os nossos sentimentos, as nossas preces pelo descanço eterno do finado."
23 - Leopoldina Bezerra Dias Monteiro Conforme edição de 14/08/1873, PEDRO BEZERRA MONTEIRO, seu esposo, foi inventariante, em Crato-CE, a 22/02/1873, de partilha procedida entre ele próprio e seus filhos "havidos de sua finada mulher, D. Leopoldina Bezerra Dias Monteiro".
28 - José Inácio de Oliveira Maciel - (filho de 56 - Inácio Caetano de Alencar Rodovalho e 57 - Francisca de Alencar Rodovalho)
29 - Isabel Brasilina Arraes - (filha de 58 - Manoel Raimundo Arraes e 59 - Inácia Brasilina do Amor Divino)
30 - Alexandre da Silva Pereira II
31 - Alexandrina Benigna de Alencar - (filha de 62 - Joaquim Pereira de Alencar II)

Tetravós

32 - Leandro Bezerra Monteiro (*05-12-1740, +1831) - (filho de 64 - Antônio Pinheiro Lobo e Mendonça e 65 - Joana Monteiro Bezerra de Menezes) Brigadeiro. Sua biografia foi publicada no livro "VIDA DO BRIGADEIRO LEANDRO BEZERRA MONTEIRO", de J. Dias da Rocha Filho, Coleção História e Cultura Dirigida Pelo Instituto do Ceará, em 1978.
33 - Rosa Josepha do Sacramento (*1720) - (filha de 66 - Semeão Teles de Menezes e 67 - Luíza Maria da Conceição)
34 - José Ferreira de Sousa Capitão.
35 - Maria Nobre da Conceição - (filha de 70 - Antonio dos Santos Vila Nova e 71 - Joanna de Barros e Abreu)
44 - José Geraldo Bezerra de Menezes (*09-02-1786, +10-06-1856) - (filho de 88 - Leandro Bezerra Monteiro e 89 - Rosa Josepha do Sacramento) Tenente-Coronel.
45 - Jerônima Bezerra de Menezes - (filha de 90 - Nazário da Rosa Moniz e 91 - Maria Silvana de Rezende)
56 - Inácio Caetano de Alencar Rodovalho - (filho de 112 - Antônio Carlos de Oliveira Alencar e 113 - Matilde) Residia no Crato-CE. Tomou parte na Revolução Pernambucana de 1817. Acompanhou D. Bárbara de Alencar (avó de José de Alencar), também revolucionária, em sua fuga do Crato para o Piauí. Por ter se desentendido com um sobrinho homônimo (da Taboca), retirou o nome "Alencar" de sua descendência.
57 - Francisca de Alencar Rodovalho
58 - Manoel Raimundo Arraes - (filho de 116 - Gonçalo Ricardo Arraes e 117 - Isabel Pereira Plácido)
59 - Inácia Brasilina do Amor Divino - (filha de 118 - Joaquim do Monte Furtado e 119 - Teresa Brasilina de Alencar)
62 - Joaquim Pereira de Alencar II - (filho de 124 - Antônio Lião da França e 125 - Inácia Pereira de Alencar)

Pentavós

64 - Antônio Pinheiro Lobo e Mendonça - (filho de 128 - José Pinheiro Lobo e 129 - Perpétua de Mendonça) Capitão.
65 - Joana Monteiro Bezerra de Menezes (*1720) - (filha de 130 - João Bezerra Monteiro e 131 - Caetana Romão Romeira Rodrigues de Sá)
66 - Semeão Teles de Menezes - (filho de 132 - Gonçalo Tavares de Menezes e 133 - Josefa Maria Freire de Andrade Mesquita) Capitão-mor.
67 - Luíza Maria da Conceição - (filha de 134 - Luís Ferreira Pinto e 135 - Rosa Maria da Cunha)
70 - Antonio dos Santos Vila Nova
71 - Joanna de Barros e Abreu
88 - Leandro Bezerra Monteiro (*05-12-1740, +1831) - (filho de 176 - Antônio Pinheiro Lobo e Mendonça e 177 - Joana Monteiro Bezerra de Menezes) (Mesma pessoa de nº 32)
89 - Rosa Josepha do Sacramento (*1720) - (filha de 178 - Semeão Teles de Menezes e 179 - Luíza Maria da Conceição) (Mesma pessoa de nº 33)
90 - Nazário da Rosa Moniz Das famílias Teles de Menezes, de Sergipe, e Moniz Barreto, da Bahia.
91 - Maria Silvana de Rezende Da família Bezerra, do Ceará.
112 - Antônio Carlos de Oliveira Alencar
113 - Matilde - (filha de 226 - Manoel do Monte Furtado e 227 - Matilde Barbosa de Mesquita)
116 - Gonçalo Ricardo Arraes - (filho de 232 - Inácio Ricardo Arraes e 233 - Ana Torres Deusdará) Tronco cearense da família Arraes. Aos 12 anos perdeu o pai, assassinado na Bahia. Aos 16 anos foi para o Ceará com seus 4 irmãos. Localizou-se no sítio Caiçara do Rio Conceição, no Saboeiro. Daí saiu para o sítio Macambira e, depois, para São Mateus, e, ainda, para Inhamuns, em 1809.
117 - Isabel Pereira Plácido
118 - Joaquim do Monte Furtado - (filho de 236 - Manoel do Monte Furtado e 237 - Matilde Barbosa de Mesquita)
119 - Teresa Brasilina de Alencar - (filha de 238 - Antônio Carlos de Oliveira Alencar e 239 - Matilde)
124 - Antônio Lião da França
125 - Inácia Pereira de Alencar - (filha de 250 - Joaquim Pereira de Alencar e 251 - Teodora Rodrigues da Conceição)

Hexavós

128 - José Pinheiro Lobo - (filho de 256 - Antônio Pinheiro de Carvalho e 257 - Luísa Teles) Sargento-Mor.
129 - Perpétua de Mendonça (*1700)
130 - João Bezerra Monteiro (*1690) - (filho de 260 - Bento Rodrigues Bezerra e 261 - Petronila Velho de Menezes) Coronel.
131 - Caetana Romão Romeira Rodrigues de Sá
132 - Gonçalo Tavares de Menezes - (filho de 264 - Pedro Moniz Teles)
133 - Josefa Maria Freire de Andrade Mesquita - (filha de 266 - Francisco Nunes da Mota e Menezes e 267 - Águeda Cabral Tavares)
134 - Luís Ferreira Pinto - (filho de 268 - Teodózio Ferreira Pinto e 269 - Maria de Jesus Mendonça)
135 - Rosa Maria da Cunha - (filha de 270 - Antônio da Cunha Pereira e 271 - Bárbara da Fraga Pimentel)
176 - Antônio Pinheiro Lobo e Mendonça - (filho de 352 - José Pinheiro Lobo e 353 - Perpétua de Mendonça) (Mesma pessoa de nº 64)
177 - Joana Monteiro Bezerra de Menezes (*1720) - (filha de 354 - João Bezerra Monteiro e 355 - Caetana Romão Romeira Rodrigues de Sá) (Mesma pessoa de nº 65)
178 - Semeão Teles de Menezes - (filho de 356 - Gonçalo Tavares de Menezes e 357 - Josefa Maria Freire de Andrade Mesquita) (Mesma pessoa de nº 66)
179 - Luíza Maria da Conceição - (filha de 358 - Luís Ferreira Pinto e 359 - Rosa Maria da Cunha) (Mesma pessoa de nº 67)
226 - Manoel do Monte Furtado
227 - Matilde Barbosa de Mesquita
232 - Inácio Ricardo Arraes Por ser o primeiro Arraes com descendência conhecida, é considerado o tronco da famíla. Morreu assasinado na Bahia.
233 - Ana Torres Deusdará
236 - Manoel do Monte Furtado (Mesma pessoa de nº 226)
237 - Matilde Barbosa de Mesquita (Mesma pessoa de nº 227)
238 - Antônio Carlos de Oliveira Alencar (Mesma pessoa de nº 112)
239 - Matilde - (filha de 478 - Manoel do Monte Furtado e 479 - Matilde Barbosa de Mesquita) (Mesma pessoa de nº 113)
250 - Joaquim Pereira de Alencar - (filho de 500 - Leonel Pereira de Alencar Rego e 501 - Maria de Assunção de Jesus Pereira)
251 - Teodora Rodrigues da Conceição - (filha de 503 - Antônia Pereira Rosa)

Heptavós

256 - Antônio Pinheiro de Carvalho Sargento-Mor.
257 - Luísa Teles - (filha de 514 - Miguel Álvares Campos e 515 - Euzébia Teles de Menezes) Pentaneta de Caramuru.
260 - Bento Rodrigues Bezerra - (filho de 520 - Bento Rodrigues da Costa e 521 - Simoa Bezerra)
261 - Petronila Velho de Menezes
264 - Pedro Moniz Teles - (filho de 528 - Egas Moniz Barreto) Descendente de Egas Moniz Barreto.
266 - Francisco Nunes da Mota e Menezes
267 - Águeda Cabral Tavares
268 - Teodózio Ferreira Pinto Sargento-mor.
269 - Maria de Jesus Mendonça
270 - Antônio da Cunha Pereira Coronel.
271 - Bárbara da Fraga Pimentel
352 - José Pinheiro Lobo - (filho de 704 - Antônio Pinheiro de Carvalho e 705 - Luísa Teles) (Mesma pessoa de nº 128)
353 - Perpétua de Mendonça (*1700) (Mesma pessoa de nº 129)
354 - João Bezerra Monteiro (*1690) - (filho de 708 - Bento Rodrigues Bezerra e 709 - Petronila Velho de Menezes) (Mesma pessoa de nº 130)
355 - Caetana Romão Romeira Rodrigues de Sá (Mesma pessoa de nº 131)
356 - Gonçalo Tavares de Menezes - (filho de 712 - Pedro Moniz Teles) (Mesma pessoa de nº 132)
357 - Josefa Maria Freire de Andrade Mesquita - (filha de 714 - Francisco Nunes da Mota e Menezes e 715 - Águeda Cabral Tavares) (Mesma pessoa de nº 133)
358 - Luís Ferreira Pinto - (filho de 716 - Teodózio Ferreira Pinto e 717 - Maria de Jesus Mendonça) (Mesma pessoa de nº 134)
359 - Rosa Maria da Cunha - (filha de 718 - Antônio da Cunha Pereira e 719 - Bárbara da Fraga Pimentel) (Mesma pessoa de nº 135)
478 - Manoel do Monte Furtado (Mesma pessoa de nº 226)
479 - Matilde Barbosa de Mesquita (Mesma pessoa de nº 227)
500 - Leonel Pereira de Alencar Rego - (filho de 1000 - Martinho Pereira do Rego e 1001 - Dorotéa de Alenquer) Tronco de todos os Alencar do Brasil. Faleceu com 108 anos.
501 - Maria de Assunção de Jesus Pereira - (filha de 1002 - Manuel Pereira da Silva e 1003 - Joaquina Pereira) Faleceu com 98 anos.
503 - Antônia Pereira Rosa

Octavós

514 - Miguel Álvares Campos (*1686) - (filho de 1028 - Gonçalo Álvares e 1029 - Maria Álvares)
515 - Euzébia Teles de Menezes - (filha de 1030 - Francisco de Barros Lobo e 1031 - Anna de Menezes)
520 - Bento Rodrigues da Costa
521 - Simoa Bezerra - (filha de 1042 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda e 1043 - Antônia Rodrigues Delgado)
528 - Egas Moniz Barreto
704 - Antônio Pinheiro de Carvalho (Mesma pessoa de nº 256)
705 - Luísa Teles - (filha de 1410 - Miguel Álvares Campos e 1411 - Euzébia Teles de Menezes) (Mesma pessoa de nº 257)
708 - Bento Rodrigues Bezerra - (filho de 1416 - Bento Rodrigues da Costa e 1417 - Simoa Bezerra) (Mesma pessoa de nº 260)
709 - Petronila Velho de Menezes (Mesma pessoa de nº 261)
712 - Pedro Moniz Teles - (filho de 1424 - Egas Moniz Barreto) (Mesma pessoa de nº 264)
714 - Francisco Nunes da Mota e Menezes (Mesma pessoa de nº 266)
715 - Águeda Cabral Tavares (Mesma pessoa de nº 267)
716 - Teodózio Ferreira Pinto (Mesma pessoa de nº 268)
717 - Maria de Jesus Mendonça (Mesma pessoa de nº 269)
718 - Antônio da Cunha Pereira (Mesma pessoa de nº 270)
719 - Bárbara da Fraga Pimentel (Mesma pessoa de nº 271)
1000 - Martinho Pereira do Rego
1001 - Dorotéa de Alenquer - (filha de 2002 - Ricardo de Alenquer e 2003 - Isabel Pereira)
1002 - Manuel Pereira da Silva (*1725) - (filho de 2004 - Antônio Pereira da Silva e 2005 - Maria Pereira da Silva) Da Fazenda Carnaúba, em Geremoabo, Estado da Bahia. Desembarcou em Salvador na primeira metade do século XVIII, vindo de Portugal. Na mesma caravela, vieram também quatro irmãos portugueses de nomes Marta, Alexandre, João Francisco (o caçula) e Leonel de Alencar Rego, que viera mais tarde a se casar com sua filha Maria da Assunção.

Manuel ou Manoel, migrou para o brasil via Salvador e encaminhou-se para as sesmarias dos Inhamuns no Ceará. Em 1777, fugindo da grande seca, subiu a serra do icó e instalou se em Russas onde fundou a vila de São Cosme e Damião, vindo a chamar se mais tarde de Pereiro (divisa com o RN), em sua homenagem. Da mesma forma a serra recebeu o nome de serra dos Pereiros.
Outras fontes referem se a Manuel Pereira do Canto , que obedece a mesma história, porém o põe CASADO com a Sra. Catarina Cardosa da Rocha Resende Macrina [#43654] , segunda esposa de Francisco Alves Feitosa (#43655) mãe em algumas fontes de José Pereira da Silva (#4340) e Antônio Pereira de Souza (#56750).
Algumas fontes Relatam que Catarina Macrina trouxe outros filhos do leito de Manuel Pereira do Canto (Silva), dentre eles Antônio Pereira da Silva que posteriormente instala se na divisa de PE e BA. Quanto ao Capitão Zezinho, segundo tradição oral, homem calado que falava pouco das origens, após desavença com o Coronel Francisco Feitosa, tomou rumo a barranca do Pajeú das Flores, e daí sabe se toda história até a fundação de Serra Talhada.
Fica ainda no Vácuo a correlação sabida da Sra. Maria de Assunção de Jesus Pereira (#5933) que casou se com Leonel Pereira de Alencar (Alenquer) do Rego (#6197) que teve na família títulos de nobreza negados por ter sangue de cristão novo convertido.
Leonel foi companheiro de viagem de Manuel Pereira para o Brasil, e desposou sua filha Maria de Assunção de Jesus Pereira (#5933) que deu origem ao clã dos Alencar do Rego de Exu, tornando se figura imponente na história, tendo o nome Pereira ofuscado. Contudo daí comprova se a parentela do Pereiras do Pajeu aos Alencar do Rego, junção que trás na história uma herança de sangue terrível, porém trás a fundação de tês cidades: Serra Talhada, Pereiro (PE) e Catarina no Ceará
Fonte: José Lacet de Lima Junior.
1003 - Joaquina Pereira

Eneavós (9º avós)

1028 - Gonçalo Álvares
1029 - Maria Álvares
1030 - Francisco de Barros Lobo - (filho de 2060 - Manoel Lobo e 2061 - Luíza de Barros)
1031 - Anna de Menezes - (filha de 2062 - Egas Moniz Barreto e 2063 - Juliana Rangel)
1042 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda - (filho de 2084 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda e 2085 - Brasia Monteiro)
1043 - Antônia Rodrigues Delgado
1410 - Miguel Álvares Campos (*1686) - (filho de 2820 - Gonçalo Álvares e 2821 - Maria Álvares) (Mesma pessoa de nº 514)
1411 - Euzébia Teles de Menezes - (filha de 2822 - Francisco de Barros Lobo e 2823 - Anna de Menezes) (Mesma pessoa de nº 515)
1416 - Bento Rodrigues da Costa (Mesma pessoa de nº 520)
1417 - Simoa Bezerra - (filha de 2834 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda e 2835 - Antônia Rodrigues Delgado) (Mesma pessoa de nº 521)
1424 - Egas Moniz Barreto (Mesma pessoa de nº 528)
2002 - Ricardo de Alenquer
2003 - Isabel Pereira
2004 - Antônio Pereira da Silva
2005 - Maria Pereira da Silva

Decavós (10º avós)

2060 - Manoel Lobo
2061 - Luíza de Barros - (filha de 4122 - Francisco de Barros e 4123 - Grácia de Figueiredo)
2062 - Egas Moniz Barreto Escudeiro Fidalgo.
2063 - Juliana Rangel - (filha de 4126 - Raphael Teles e 4127 - Maria Rangel)
2084 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda - (filho de 4168 - Antônio Bezerra Felpa de Barbuda e 4169 - Maria de Araújo)
2085 - Brasia Monteiro
2820 - Gonçalo Álvares (Mesma pessoa de nº 1028)
2821 - Maria Álvares (Mesma pessoa de nº 1029)
2822 - Francisco de Barros Lobo - (filho de 5644 - Manoel Lobo e 5645 - Luíza de Barros) (Mesma pessoa de nº 1030)
2823 - Anna de Menezes - (filha de 5646 - Egas Moniz Barreto e 5647 - Juliana Rangel) (Mesma pessoa de nº 1031)
2834 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda - (filho de 5668 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda e 5669 - Brasia Monteiro) (Mesma pessoa de nº 1042)
2835 - Antônia Rodrigues Delgado (Mesma pessoa de nº 1043)

11º avós

4122 - Francisco de Barros
4123 - Grácia de Figueiredo (*1564, +1625) - (filha de 8246 - João de Figueiredo Mascarenhas e 8247 - Apolonia Álvares)
4126 - Raphael Teles - (filho de 8252 - Antônio Fernandes de Abreu e 8253 - Maria de Gouveia)
4127 - Maria Rangel (*1567) - (filha de 8254 - Miguel Ribeiro e 8255 - Marta Ribeiro)
4168 - Antônio Bezerra Felpa de Barbuda
4169 - Maria de Araújo
5644 - Manoel Lobo (Mesma pessoa de nº 2060)
5645 - Luíza de Barros - (filha de 11290 - Francisco de Barros e 11291 - Grácia de Figueiredo) (Mesma pessoa de nº 2061)
5646 - Egas Moniz Barreto (Mesma pessoa de nº 2062)
5647 - Juliana Rangel - (filha de 11294 - Raphael Teles e 11295 - Maria Rangel) (Mesma pessoa de nº 2063)
5668 - Domingos Bezerra Felpa de Barbuda - (filho de 11336 - Antônio Bezerra Felpa de Barbuda e 11337 - Maria de Araújo) (Mesma pessoa de nº 2084)
5669 - Brasia Monteiro (Mesma pessoa de nº 2085)

12º avós

8246 - João de Figueiredo Mascarenhas (*1537) - (filho de 16492 - Lourenço de Figueredo) Capitão. "Boatucá". Fidalgo da Casa Real de Portugal.
8247 - Apolonia Álvares - (filha de 16494 - Diogo Álvares Correia e 16495 - Catharina Alves Paraguaçu)
8252 - Antônio Fernandes de Abreu
8253 - Maria de Gouveia
8254 - Miguel Ribeiro
8255 - Marta Ribeiro
11290 - Francisco de Barros (Mesma pessoa de nº 4122)
11291 - Grácia de Figueiredo (*1564, +1625) - (filha de 22582 - João de Figueiredo Mascarenhas e 22583 - Apolonia Álvares) (Mesma pessoa de nº 4123)
11294 - Raphael Teles - (filho de 22588 - Antônio Fernandes de Abreu e 22589 - Maria de Gouveia) (Mesma pessoa de nº 4126)
11295 - Maria Rangel (*1567) - (filha de 22590 - Miguel Ribeiro e 22591 - Marta Ribeiro) (Mesma pessoa de nº 4127)
11336 - Antônio Bezerra Felpa de Barbuda (Mesma pessoa de nº 4168)
11337 - Maria de Araújo (Mesma pessoa de nº 4169)

13º avós

16492 - Lourenço de Figueredo
16494 - Diogo Álvares Correia (*1475, +1557) "Caramuru"
16495 - Catharina Alves Paraguaçu (*1495, +1583) "Paraguaçu"
22582 - João de Figueiredo Mascarenhas (*1537) - (filho de 45164 - Lourenço de Figueredo) (Mesma pessoa de nº 8246)
22583 - Apolonia Álvares - (filha de 45166 - Diogo Álvares Correia e 45167 - Catharina Alves Paraguaçu) (Mesma pessoa de nº 8247)
22588 - Antônio Fernandes de Abreu (Mesma pessoa de nº 8252)
22589 - Maria de Gouveia (Mesma pessoa de nº 8253)
22590 - Miguel Ribeiro (Mesma pessoa de nº 8254)
22591 - Marta Ribeiro (Mesma pessoa de nº 8255)

14º avós

45164 - Lourenço de Figueredo (Mesma pessoa de nº 16492)
45166 - Diogo Álvares Correia (*1475, +1557) (Mesma pessoa de nº 16494)
45167 - Catharina Alves Paraguaçu (*1495, +1583) (Mesma pessoa de nº 16495)

Total de Ancestrais: 178
Nota explicativa da numeração: A primeira pessoa da relação tem sempre o número '1'. Em seguida, cada pessoa do sexo masculino tem um número par, que é calculado multiplicando-se o número de seu filho por 2. As pessoas do sexo feminino, por sua vez, têm um número ímpar, que é calculado somando-se 1 ao número do seu marido. Exemplo: O pai da pessoa de número 3 é a de número 6 (3 x 2) e a sua mãe é a pessoa de número 7 (2 x 3 + 1).
 
   
Início da Página Dados disponibilizados por Magno José de Sá Araújo © - e-mail: Magno José de Sá Araújo